Oxigenoterapia

Tratamento de Feridas

Oxigenoterapia

O que é Oxigenoterapia Hiperbárica

É utilizado fundamentalmente para acelerar e melhorar a qualidade da cicatrização de feridas sejam elas de origem isquêmica, traumática ou infecciosa. Auxilia o médico no tratamento de lesões refratárias, ou seja, resistentes ao tratamento, como observadas em úlceras de perna, pé diabético e osteomielites crônicas. Favorece o sucesso no campo da cirurgia plástica e reconstrutora, de enxertos e retalhos comprometidos ou de risco, com melhor resultado

Inovação no tratamento de feridas

É utilizado fundamentalmente para acelerar e melhorar a qualidade da cicatrização de feridas sejam elas de origem isquêmica, traumática ou infecciosa. Auxilia o médico no tratamento de lesões refratárias, como observadas em úlceras de perna,  pé diabético e osteomielites crônicas. Favorece o sucesso no campo da cirurgia plástica e reconstrutora, de enxertos e retalhos comprometidos ou de risco, com melhor resultado secundário à radioterapia. Utilizada no tratamento e prevenção de lesões secundárias à radioterapia. Modifica o curso de evolução de doenças associadas com alta morbimortabilidade como Síndrome de Founier, celulite e fasciítes necrotizantes. Reconhecida como modalidade terapêutica de aplicação médica, eficiente e diferenciada, é utilizada com sucesso e embasamento científico em vários países, como Estados Unidos, Alemanha Rússia, Canadá, França, Inglaterra, Itália, Espanha, entre outros.

Tratamento

Administração do Tratamento

7_1O paciente que apresente as indicações absolutas ou relativas (ver indicações) para o tratamento com oxigenoterapia hiperbárica realiza a primeira consulta com o médico hiperbarista, o qual fará uma avaliação da patologia apresentada. Nesta consulta, o médico definirá a forma de aplicação a ser adotada, número de pressão, duração e pressão de tratamento.
A administração do tratamento, para todos os casos, se faz de forma intermitente, em sessões diárias de segunda a sábado,o que tem variação caso a caso é a duração do tratamento e o nível de pressão, que são estabelecidos conforme a patologia e sua evolução durante o tratamento, em consonância com protocolos internacionais.
Após o início das sessões, são realizadas consultas periódicas para o acompanhamento da evolução do processo de cicatrização. Nestas oportunidades, são documentadas as etapas do processo, mediante imagens e interpretação descritiva, as quais são disponibilizadas aos médicos referenciadores de cada paciente.
A saber: a Medicina Hiperbárica Brasil-Sul possui quatro câmaras monoplace (individuais). Para a realização de cada sessão, são necessárias as presenças de um técnico de enfermagem que permanece no interior da sala juntamento com o médico. O tratamento é extremamente seguro!
Os pacientes somente acessam à câmara usando um uniforme em algodão puro. No interior da câmara, respiram oxigênio medicinal desde o momento em que o equipamento é ligado até o final da sessão. O paciente fica deitado, podendo ouvir música ou assistir a um filme.