Indicações

Modalidade terapêutica de aplicação médica, eficiente e diferenciada

Indicações

As indicações  para oxigenoterapia hiperbárica são revistas bianualmente pela Undersea & Hyperbaric Medical Society – UHMS, instituição acadêmico-científica que divulga normas, diretrizes e atividades de pesquisa na área de medicina ligada ao mergulho e à oxigenoterapia hiperbárica.
As patologias que se beneficiam com o emprego da oxigenoterapia hiperbárica, de acordo com o último Committee Report da UHMS, publicada em 1994, ratificado pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo em sua resolução de n.º 1457/95 publicado no DOU em 19 de outubro de 1995.

Absolutas
. Embolias gasosas
. Doenças descompressivas
. Embolia traumática pelo ar
. Envenenamento por cianeto ou derivados cianídricos
. Gangrena gasosa
. Síndrome de Fournier
. Infecções necrotizantes de tecidos moles
(celulites, fasceítes e miosites)
. Isquemias agudas traumáticas
(lesão por esmagamento, síndrome compartimental, reimplantação de
extremidades amputadas e outras)
. Vasculites agudas de etiologia alérgica, medicamentosa ou protoxinas
biológicas (aracnídeos, ofídeos e insetos)
. Queimaduras térmicas ou elétricas
. Lesões refratárias
(úlceras de pele,pé diabético, úlceradepressão, úlceras por vasculites
auto-imunes, deiscências de suturas)
. Lesões por radiação
(radiodermite, osteorradionecrose e lesões actínicas de mucosas)
. Retalhos ou enxertos comprometidos ou de risco
. Osteomielites
. Anemia aguda nos casos de impossibilidade de transfusão sangüínea
. Abscesso cerebral

Atendimento personalizado

Humanização do atendimento em saúde com maior privacidade para nossos pacientes